Se a Fila Andar


Não, eu não estou
Preparado pra te encontrar amor
Nos braços de outra pessoa
Só de pensar já me causa dor

Se o sonho acabar
Se a fila andar
Não vou aceitar facilmente
Tente me preservar
O que a gente não vê
O coração não sente

Vou te admirar
Se não for vulgar
E não se exibir por castigo
Pois corro perigo
Dos nossos amigos
Me virem chorar
(Não quero nem imaginar)

Se você chegar e me encontrar
No samba eu lhe peço um favor
Respeite o insano
Sagrado e profano
Que foi o nosso amor






Artigo anteriorResignação
Próximo artigoO Suburbano
Fabio Silvahttp://#
Paulistano, Corintiano, casado, pai de dois filhos e um apaixonado pela cultura do Samba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Discover

Publicidade

Últimas Publicaçoes

Henrique Cazes

Henrique Cazes (Henrique Leal Cazes, Rio de Janeiro, 02/02/1959). Nascido em uma família de músicos amadores do subúrbio carioca do Méier, começou a tocar violão com...

Mauro Diniz

Mauro Diniz (Rio de Janeiro, 1952) é um arranjador, compositor, músico, cantor e compositor brasileiro, cujo estilo incorpora o samba e pagode. Filho do compositor...

Jayme Vignoli

Cavaquinista, arranjador, compositor e produtor musical nascido no Rio de Janeiro em 13 de março de 1967, Jayme Vignoli começou a tocar cavaquinho aos treze anos....

Wanderson Martins

Wanderson Jorge de Paula Martins (Rio de Janeiro, 12 de fevereiro de 1962), mais conhecido como Wanderson Martins, é um instrumentista, produtor musical e...

Dino 7 Cordas

Horondino José da Silva, conhecido como Dino 7 Cordas, (Rio de Janeiro, 5 de maio de 1918 — Rio de Janeiro, 27 de maio...